Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

culturALL

Cultura para Todos!

culturALL

Cultura para Todos!

Jazz em Agosto 2017 | Entrada gratuita | Gulbenkian Música

Julien Desprez

Acapulco Redux

Dom, 30 julho 2017 - 18:30

Edifício Sede – Auditório 2
Av. de Berna, 45A, Lisboa
217 823 000
Google Maps »

Entrada gratuita, sujeita à lotação da sala, mediante levantamento prévio de bilhete na bilheteira do Edifício Sede a partir das 17:30

Fundador do Collectif Coax, há dez anos que Julien Desprez vem espalhando a sonoridade da sua guitarra por uma série de projetos de absoluta referência na mais elétrica cena jazz parisiense. Depois de ter atuado como sideman de Mats Gustafsson, Noel Akchoté, Eve Risser e Louis Sclavis, estreou-se a solo com Acapulco em 2014. Passados dois anos, retomou esse caminho com Acapulco Redux, um espetáculo entre o concerto e a performance inspirado pelo filósofo Tristan Garcia, e concebido em parceria com o coreógrafo Grégory Edelein, para explorar a relação entre o som e o corpo por meio de um original desenho de luz. 

ARTISTAS

Julien Desprez Guitarra elétrica, desenho de luz

PAÍS

França

 

 

Pascal Niggenkemper

Sex, 4 agosto 2017 - 18:30

Edifício Sede – Auditório 2
Av. de Berna, 45A, Lisboa
217 823 000
Google Maps »

Entrada gratuita, sujeita à lotação da sala, mediante levantamento prévio de bilhete na bilheteira do Edifício Sede a partir das 17:30

Em 2015, ano da edição do muito aguardado álbum a solo Look with Thine Ears, a New York City Jazz Records carimbou o franco-alemão Pascal Niggenkemper como “um dos mais aventureiros contrabaixistas” da atualidade. Radicado em Paris, Niggenkemper há muito que vem justificando essa classificação nas suas prestações em grupos como o Nate Wooley / David Rempis Quartet ou o Black Host de Gerald Cleaver, assim como nos seus projetos vision7, PNTrio ou Le 7ème Continent. Todo o manancial de recursos e a efervescente inventividade do músico ficam a nu nesta sua vida a solo. 

ARTISTAS

Pascal Niggenkemper Contrabaixo 

PAÍS

França/Alemanha

 

 

Pedro Sousa & Pedro Lopes

EITR

Sáb, 5 agosto 2017 - 18:30

Coleção Moderna – Nave
R. Dr. Nicolau Bettencourt, Lisboa
217 823 700
Google Maps »

Entrada gratuita, sujeita à lotação da sala, mediante levantamento prévio de bilhete na bilheteira do Museu – Coleção Moderna a partir das 17:30

O facto de Pedro Sousa figurar entre os mais arrojados e indomáveis improvisadores do jazz português já deixou de constituir novidade. Chamado a tocar com Thurston Moore e habitual na companhia de Gabriel Ferrandini, capaz de se adaptar com especial facilidade a ambientes tão díspares quanto o rock sujo, o jazz desconforme ou a exploração noise, o saxofone de Pedro Sousa carrega uma noção quase libertária das suas possibilidades. Na sua união a Pedro Lopes, radicado em Berlim, estabelece um diálogo fundado na exploração eletrónica, já testada com superiores resultados sob a designação EITR (e documentada no desafiador LP Trees Have Cancer, 2013). 

ARTISTAS

Pedro Sousa Saxofone tenor e barítono, e Eletrónicas
Pedro Lopes Eletrónicas 

PAÍS

Portugal

 

 

Steve Lehman (solo)1
Pedro Sousa & Pedro Lopes – EITR1
Julien Desprez – Acapulco Redux2
Pascal Niggenkemper (solo)2

Sujeita à lotação da sala, mediante levantamento prévio de bilhete no próprio dia na bilheteira do Museu Calouste Gulbenkian – Coleção Moderna, a partir das 17:30.

Sujeita à lotação da sala, mediante levantamento prévio de bilhete no próprio dia na bilheteira do Edifício Sede da Fundação Calouste Gulbenkian, a partir das 17:30.

 

IN: https://gulbenkian.pt

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.