Assista ou participe em eventos sobre cultura (Cinema, Comemorações, Concertos, Concursos, Dança, Exposições, Festas, Festivais, Feiras, Teatro e muito mais) da forma mais barata possível: Grátis, Gratuito, Entrada livre, Sem custo...

 

GRANDE LISBOA  |   MARGEM SUL  |   GRANDE PORTO

 

DESPORTO  |   SEMPRE  |   TODO O ANO

 

 

 

Follow
Domingo, 25 de Junho de 2017

Festival Atalaia Artes Performativas arranca a 29 de junho no Baixo Alentejo

Um tesouro das artes performativas no interior alentejano

 

Descentralizar e partilhar a produção artística contemporânea é a principal missão do Atalaia Artes Performativas, a decorrer em Ourique e Aljustrel, entre 29 de junho e 8 de julho.

 

O festival resulta de um programa de residências de criação em que participaram 12 artistas – a solo, em dupla ou em coletivo –, perfazendo um total de 8 projetos previamente selecionados por um júri especializado e através de concurso internacional. O denominador comum é - para além da qualidade artística, técnica e conceptual - o envolvimento com a região do Baixo Alentejo e com a comunidade local.

 

Museus imateriais da cultura alentejana em forma de performance, esculturas mutantes e ambulantes, sacos de pão feitos objetos artísticos mas sem perder a função. Arte e vida imiscuem-se assim para questionar o sentido de comunidade, a efemeridade e a ideia de autor na contemporaneidade pelo olhar desses que chegam um pouco de todo o mundo (Itália, República Checa, EUA, Reino Unido, Portugal, Venezuela, Coreia do Sul, México).

 

Apesar do nome da iniciativa, a programação artística, a cargo de Ana Nobre, não se limita às artes performativas ditas convencionais, como a performance, a dança ou o teatro. O AAP dá também palco à interdisciplinaridade e à experimentação promovendo o diálogo entre os diversos meios, incluindo projetos artísticos que cruzam a música, o vídeo e a instalação.

 

Ao longo de sete dias, as vilas de Ourique e Aljustrel tornam-se um centro das artes contemporâneas, acolhendo vários espetáculos, sessões de cinema, concertos e conversas, todos com entrada livre.


publicado por gruponet às 08:00
link do post | comentar | favorito
| | partilhar
Sábado, 24 de Junho de 2017

Festival Confluências › Agenda › Julho 2017

ENTRADA LIVRE

 

 


 


Dead Combo, Calcutá, Marco Luz, Old Jerusalem, Muito tralha pouca tralha, Catarina Requeijo, Concertinas do Vale do Bestança, Lendas da nossa terra por Romão, o ancião: lenda do cantador, Terceiro Andamento.

 

 




 


Birds Are Indie, Ana, Homem em Catarse, Gobi Bear, Mariela, Nuvem Voadora, Grupo de Bombos, “BomMouros”, Lendas da nossa terra por Romão, o ancião: lenda do sardão de Cárquere, Terceiro Andamento


 

 




 


Noiserv, Villa Nazca, The Partisan Seed, Coelho Radioactivo, Mito móvel - Vera Alvelos, Castanholas de Freamunde – Pedaços de Nós, Lendas da nossa terra por Romão, o ancião: lenda dos três sapinhos, Quarto Andamento

 

 




 


Samuel Úria, Lourenço Crespo, Grutera, Minta & The Brook Trout, A Odisseia - Jorge Loureiro e Leonor Barata, Amigos da Sexta, Lendas da nossa terra por Romão, o ancião: lenda do Marmoiral de Sobrado, Quarto Andamento


 




Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa

Av. José Júlio 42, 4560 Penafiel


255 718 340


 


publicado por gruponet às 20:00
link do post | comentar | favorito
| | partilhar

25 JUN em Serralves | Café com Ciência

 

Nesta sessão do Café com Ciência vamos abordar a domesticação e a história evolutiva recente das espécies de exploração pecuária, como a vaca, a galinha, o burro, entre outros, e perceber as ligações que há entre estas histórias e a história da evolução humana recente.

Albano Beja-Pereira é investigador em genética populacional e evolução no CIBIO-InBIO (Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos da Universidade do Porto). Licenciou-se em Engenharia Zootécnica pela Universidade dos Açores, em 1997, e doutorou-se pela Universidade do Porto, em 2005. O seu principal interesse de investigação é determinar o impacto do processo de domesticação no genoma e na estrutura populacional de espécies domesticadas (animais e vegetais).

Local: Sala Multiusos (Quinta de Serralves)
Acesso: gratuito (entrada pela Rua Bartolomeu Velho, 141)
Lotação: sujeito à lotação do espaço


publicado por gruponet às 08:00
link do post | comentar | favorito
| | partilhar
Sexta-feira, 23 de Junho de 2017

Museu Berardo celebra 10 anos com entradas gratuitas no fim de semana

O Museu Coleção Berardo, em Lisboa, celebra no domingo, 25 de junho, o 10.º aniversário com entradas gratuitas todo o fim de semana e uma programação especial de atividades para adultos e crianças.

 

De acordo com o museu, além das entradas gratuitas nas exposições, serão realizadas atividades especiais no espaço museológico, instalado no Centro Cultural de Belém desde junho de 2007.

 

"Espelhos Viajantes" é uma dessas atividades, com a proposta, ao visitante, de viajar no tempo, guardar imagens, e acrescentar memórias num percurso pelos espaços do museu.

 

Nesta atividade é proposto ao “espectador-viajante” que caminhe pelos espaços do museu recolhendo e guardando reflexos das obras de arte captados na superfície de um conjunto de espelhos acoplados ao corpo e fixados numa fotografia.

 

Outra atividade do programa especial de aniversário intitula-se "Revelar Enigmas” e parte de obras dos artistas presentes na exposição "Coleção Berardo 1960-2010", sobre a qual o público é desafiado a criar algo que facilite a reflexão sobre as questões levantadas pelo trabalho destes artistas.

 

Para crianças dos dois aos cinco anos, está prevista a atividade "Cozinh’arte", descrita pelo museu como "um momento performativo entre a cozinha de autor, e a fértil imaginação das crianças".

 

A atividade é feita por duas personagens que acreditam que tudo tem uma receita, e um "cozinhífrico", uma sofisticada máquina de preparação "de onde tudo pode sair", e uma bancada de trabalho.

 

Ali serão construídas criaturas que, quando viajarem para outros lugares, vão levar a história das obras de arte.

 

Também será realizado um percurso guiado pela exposição atualmente patente "Aprender a viver com o inimigo” de Pedro Neves Marques.

 

Esta exposição apresenta um conjunto de novos filmes que abordam "uma paisagem enraizada no contexto da extração de recursos naturais no Brasil e na coexistência entre diferentes cosmologias", segundo o museu.

 

IN: http://viagens.sapo.pt


publicado por gruponet às 20:00
link do post | comentar | favorito
| | partilhar

MAFRA REVIVE “UM DIA NA CONSTRUÇÃO” DO REAL EDIFÍCIO DE MAFRA

Nos próximos dias 24 e 25 de junho, a vila de Mafra viaja até ao tempo da construção do seu ex-libris. Mais de 100 figurantes voluntários dão vida a uma recriação histórica realizada no ano em que se assinalam os 300 anos do lançamento da primeira pedra do Real Edifício de Mafra. Num espaço habitualmente vedado ao público, poderemos assistir a cenas que evocam a vida do século XVIII e a corte de D. João V.

 

Numa organização da Câmara Municipal de Mafra, a viagem começa com um frade franciscano a descrever as cerimónias do lançamento da primeira pedra, em 17 de novembro de 1717, prolongando-se até 1730, após a sagração da Basílica. O público poderá observar a recriação de uma mostra dos trabalhos desenvolvidos ao longo destes 13 anos de construção, com pedreiros, canteiros, carpinteiros, tanoeiros e serralheiros em ação, assim como dos projetos de arquitetura e do processo das encomendas régias.

 

Além dos milhares de trabalhadores anónimos que serão homenageados nesta recriação histórica, os visitantes poderão conhecer também melhor alguns dos principais intervenientes no processo de construção, tais como D. João V, D. José I, D. António (irmão do Rei), o Arquiteto Ludovice, António Gravo (mestre da Real Obra), António Soares Faria (tesoureiro), Custódio Vieira (engenheiro da Real Obra), D. Francisco Xavier de Menezes (Conde da Ericeira) e Correia de Abreu (Oficial da Secretaria de Estado).

 

O público poderá escolher uma das datas disponíveis e assistir aos diversos momentos que se vão repetindo durante a tarde, a partir das 15 horas, com a última entrada às 18 horas. A entrada é gratuita e faz-se pelo torreão sul.


publicado por gruponet às 13:00
link do post | comentar | favorito
| | partilhar

 

beruby.com, o portal onde podes poupar!

.passa a palavra

Tens conhecimento de algum evento desportivo que queiras partilhar? Envia um email para: gruponet @ sapo.pt

.participar

. participe neste blog

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.Junho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

16
17

18
20
21

26
27
28
29
30


.recentes

. Festival Atalaia Artes Pe...

. Festival Confluências › A...

. 25 JUN em Serralves | Caf...

. Museu Berardo celebra 10 ...

. MAFRA REVIVE “UM DIA NA C...

.arquivos

.tags

. todas as tags

.mais sobre culturALL

 

subscrever feeds

 

. receba Posts por email:

distribuído por FeedBurner

.links

 

RSS Feed Widget
Weather by Freemeteo.com